Siga este Blogue e indique aos seus amigos, eles lhe agradecerão...

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Fazer aos outros...


- Eu queria matar a Thais!
Tia Adri olhou o garoto, ainda sem acreditar no que ouvia. Mas como o adolescente repetiu a frase, mais alto ainda, ela perguntou:
- Por que você quer matar a sua irmã?
Tiago não demorou a responder, explicando que não queria que a irmã existisse, pois achava “um inferno” viver com ela. Terminou suspirando que seria ótimo ser filho único...
Diante das idéias do sobrinho, a tia achou que deveria explicar a ele algumas coisas:
- Você sabia que escolhemos a família para nascer? Que escolhemos nossos pais e irmãos? E que a família nos ajuda a aprender as lições necessárias em cada reencarnação?
- Não posso ter escolhido para viver comigo alguém que eu não gosto! - interrompeu o adolescente.
- Não disse que você gostava dela. Disse, sim, que você escolheu renascer ao lado dela, quem sabe para aprender a conviver com sua irmã...
Como o garoto continuava sentado no mesmo lugar, olhando para a tia, ela continuou:
- Nossas ações são como uma bola que jogamos contra a parede: ela sempre volta para nós! Assim, tudo de bom ou de ruim que fazemos volta para a gente, mais cedo ou mais tarde.
A tia então chamou Tiago para mais perto, dizendo que lhe contaria um segredo, e sussurrou:
- Você sabe qual é a melhor maneira de nos livrarmos de alguém de quem não gostamos? A tia fez uma breve pausa para dar um ar de suspense... É transformar essa pessoa em alguém de quem gostamos, ou seja, passar a gostar dela!
- Impossível! - disse o adolescente. Ela também me odeia.
- Então vamos fazer um teste! - a tia não desistia fácil... Durante uma semana você vai fazer um esforço enorme e não vai brigar com ela! Por motivo nenhum! Trate ela como um de seus amigos que você mais gosta!
- Não vai dar certo... Não vou conseguir... Ela passa me provocando!
- Mas você vai se esforçar e seu lema será o seguinte: fazer para ela o que gostaria que ela fizesse para você! Não grite com ela, não provoque brigas, não mexa nos brinquedos dela. Que tal?
Tiago acabou concordando, mesmo achando esquisito. Sem que o garoto soubesse, a tia teve a mesma conversa com Thais, que também concordou em se esforçar para tratar o irmão mais velho como gostaria que ele a tratasse.
No início da semana foi difícil, pois mudanças de atitudes sempre requerem esforço e determinação. Tia Adri colaborou com os sobrinhos, mandando “torpedos” para o celular de cada um, com pequenas dicas de como eles poderiam se respeitar e conviver em harmonia. “Elogie algo que ela fez”, “Hoje deixe o controle remoto para ele”, além de lembrar o lema “Faça a ele o que gostaria que ele fizesse a você”, foram algumas das idéias enviadas por tia Adri que auxiliaram os irmãos a serem mais amigos.
Ao final de uma semana, o clima já era bem melhor: havia menos brigas, gritos e provocações. Nem foi preciso conversar com tia Adri para perceber que, “controlando a língua”, parando com as provocações e fazendo pequenos gestos de respeito, gentileza e amizade, a convivência entre eles havia melhorado bastante.
Eles teriam ainda muitas coisas para aprender juntos, mas o respeito mútuo e a vontade de mudar são passos muito importantes. O mundo seria bem melhor se mais pessoas praticassem o ensinamento de Jesus: fazer aos outros o que gostaria que fizessem a você.

(Claudia Schmidt)
(http://www.searadomestre.com.br/evangelizacao/)

Sem comentários:

A Natureza é assim... Deus nos ensina se soubermos estar atentos...

A Natureza é assim... Deus nos ensina se soubermos estar atentos...
"Espíritas! Amai-vos, eis o primeiro mandamento; Instruí-vos, eis o segundo."

Vale a pena

Loading...

Se o amor se vai

Loading...