Siga este Blogue e indique aos seus amigos, eles lhe agradecerão...

domingo, 30 de março de 2008

JESUS CHEGOU!

Hoje, as lembranças fizeram-me recordar de D. Benedita Fernandes.

Chegou ela à Araçatuba, na Região Alta Noroeste de São Paulo, que se localiza a umas seis horas da capital paulista totalmente desequilibrada pela mediunidade que lhe aflorava os sentidos. Foi mediatamente, bondosamente, amparada e recolhida em nome da fraternidade, por um casal amigo.

Mais tarde, refeita, começou a recolher aqui e ali, crianças desvalidas, surgindo assim um modestíssimo LAR, hoje o Lar Benedita Fernandes de Araçatuba .

Certa feita, as crianças não tinham o que comer. Benedita explicou-lhes que se elas fossem para o portão Jesus as auxiliaria. Elas se postaram à entrada do Lar, com o estomago a doer.

Ora, passava por ali um homem chamado RICIERI, que era vendedor numa carrocinha, de buchos, rins, fígado, um tripeiro, enfim. Ricieri, perguntou-lhes o que elas faziam ali fora.

"- Estamos esperando Jesus para nos dar de comer!"

"- Digam pois lá dentro, para a mãezinha de vocês, que Jesus chegou ! "

E daquele dia em diante com as sobras do tripeiro não houve mais fome por lá... mas ele também em cada casa que parava, falava aos fregueses daquele pequeno abrigo e muitos passaram a auxiliar.

Conta-se, que um dia, Benedita Fernandes viu jogado a um monturo, morto, e semi devorado por urubus, o corpo de um antigo mendigo, seu conhecido, que pela carência sócio - emocional, era considerado louco... Ela ali mesmo jurou, que jamais alguém, considerado louco, ou mesmo os loucos, ficariam sem o seu amparo! Passou a recolhê-los e abrigá-los num quartinho... Quando em crise, os dementes avançavam para ela... mas essa mulher de seios fartos, cabelos carapinha e sorriso de esperança, sentava-se numa cadeira próxima, aconchegava-os ao seu regaço, colocava a cabeça dos desvairados no seu colo e a crise ia regredindo, regredindo e eles ficavam calmos, pacificados pela força irresistível do amor!!!

O Prefeito da cidade, vendo que aquela era uma boa causa, passou a auxiliá-la com recursos financeiros mas um dia, esse dinheiro tão bem vindo passou a não mais chegar. E ela, ao reclamá-los com o Sr. Prefeito, soube que não mais os teria. Não titubiou... era mulher de fibra vigorosa, avisou ao mandatário que soltaria os loucos todos, por não poder sustentá-los, o que o fez incontinenti. Eles ficaram então, por algumas horas, vagando pela cidade de Araçatuba e, assim, Benedita Fernandes obteve novamente a subvenção e pôde continuar a deles tratar no que é hoje o Sanatório Benedita Fernandes de Araçatuba.

Muito anos mais tarde, Ricieri passou a consultar-se no atual INCA, no Rio de Janeiro, na Praça da Cruz Vermelha, devido a um doloroso câncer no pulmão. Sabedor que Divaldo Franco estaria num Culto na residência do casal Irene-Aristides Silva, no Flamengo, para lá se dirigiu com a esposa Matilde e com os confrades Ana e Geraldo Guimarães.

Todos nós conhecemos como Divaldo Franco é discreto. No entanto, naquele dia, tomando conhecimento do caso do doente, Divaldo disse-lhe de chofre, para espanto de todos que ali se encontravam:

"- É, Ricieri você, como todos nós, vai desencarnar mas... há aqui um venerando espírito a me dizer que irá recebê-lo e auxiliá-lo no trânsito pós - morte. Diz-me ela também, que você a conhece bem, desde os tempos das sobras..." está ela a agradecer, a dizer obrigada pelas sobras!

"- Sobras? Ah, então é D. Benedita Fernandes! Pergunte-lhe se eu não poderia ter uma moratória. Preciso de um tempo, para terminar a obra dos esgotos no Lar de crianças da minha cidade. Divaldo, será que posso pedir além da moratória, que minhas dores sejam minimizadas?"

Divaldo ficou a escutar Benedita Fernandes.

"- Ela me diz que sim, que a moratória ser-lhe-á concedida. Mais tarde, você sentirá uma dor forte no coração e no pulmão. Aí será chegada a hora da viagem... " - completa-lhe Divaldo. Depois, o médium oferece ao doente a terapêutica do passe renovador e suave perfume balsâmico invade o ambiente.

Ricieri e a esposa Matilde foram para casa; para espanto dos médicos a dor havia passado.

Um ano após esses acontecimentos, o bondoso tripeiro já havia terminado os esgotos do abrigo quando... sentiu uma fortíssima e aguda dor no peito, avisou a mulher, deitou-se e, tranqüilamente desencarnou auxiliado, por certo por esse espírito dedicado que se chama Benedita Fernandes!


ANA MARIA SPRÄNGER LUIZ

Sem comentários:

A Natureza é assim... Deus nos ensina se soubermos estar atentos...

A Natureza é assim... Deus nos ensina se soubermos estar atentos...
"Espíritas! Amai-vos, eis o primeiro mandamento; Instruí-vos, eis o segundo."

Vale a pena

Loading...

Se o amor se vai

Loading...